Loading...

terça-feira, 18 de maio de 2010

CÂNTICO XXX



Desiludas-te
Dos teus vícios imorais.
Da tua sede de volúpia.
Da sensualidade da tua luxúria.
Seja a pacificação
Do teu coração atormentado.
De tristezas.
De conjecturas.
De intolerâncias.
Desiludas-te
Das tuas paixões materiais.
Da tua sede de poder:
Conquistas a ti mesmo
No teu universo
De virtudes...

Nenhum comentário:

Postar um comentário