Loading...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

ACABOU...



O surto intempestivo
Desabou os alicerces do amor

A inglória do impulso
Esbofeteou a face da verdade
Proliferando as solidões dos amantes

Presciência do desenlace
Enveredei-me pelos caminhos vis

E uma parceria fraterna
(num amor fugindo do mausoléu)
Desencarquilhou nos destinos da via Dutra

Estas lágrimas sangrentas
Enfureceram o meu cadáver odiado

E o nosso romance acabou...

Nenhum comentário:

Postar um comentário