Loading...

terça-feira, 18 de maio de 2010

CÂNTICO XIV



Tenhas a impaciência
De buscar no âmago do teu Ser
As vagas respostas
Que não te foram devidamente respondidas
Na tua espera.
Na tua euforia.
Na tua infelicidade.
Onde o teu sonho percorre
É a frivolidade
De nunca encontrar-se contido
Em ti mesmo;
Na tua felicidade excepcional da essência
Que é a realidade
Toda espiritual e eterna.
Que és tu mesmo
No teu silêncio infinito
Na eternidade...



Nenhum comentário:

Postar um comentário