Loading...

domingo, 27 de junho de 2010

O VENTO

O vento sopra
 Em escuridões melindrosas;
 Enquanto a minha alma desdobra
 O perfume das rosas...
o O vento venta
o Em solidões profundas;
o Enquanto eu bebo água benta
o Em paisagens fundas...
 O vento encanta
 Em tristezas escarpadas;
 Enquanto o poeta irado canta
 Os sonhos das amadas...
 O vento dança
 Em arredores desocupados;
 Enquanto a minha alma alcança
 O perdão dos pecados...
o O vento assovia
o Uma canção de esperança,
o Enquanto a minha alma se comovia
o Num olhar de criança...

(por Fernando Pellisoli)






Nenhum comentário:

Postar um comentário