Loading...

quarta-feira, 30 de junho de 2010

DESCRIÇÃO DA MUSA

 Descrever
 A Musa dos meus versos
 É como imaginar
 A forma indefinida de Deus
 Na sua infinidade.
 A silhueta era perfeita,
 E a boca pequena e carnuda.

 A bunda era redonda
 E os seios eram não muito pequenos.
 E as pernas bem torneadas
 Contracenavam
 Com as coxas roliças,
 E a cintura era toda fina.

 Os olhos eram negros
 E as orelhas bem formadas e pequenas.
 E o nariz uma graça, arrebitado.
 Os cabelos eram longos
 E lisos e castanhos escuros.
 As mãos e os pés
 Eram de rainha e marcantes.

 Os braços
 Eram meigos e afetuosos,
 E o desenho do corpo inteiro
 Igualava-se ao entalhe vigoroso
 De uma escultura grega.

(por Fernando Pellisoli)

Nenhum comentário:

Postar um comentário