Loading...

quarta-feira, 30 de junho de 2010

INSUCESSO

 Um fracasso vizinho
 E meio tresloucado no teu enlaço

 Vibro alicerces pra me vencer

 E amasso folhas de papel,
 Mas percebo o teu céu na folha de aço

 Insucesso (meu amor de amora)
 E meu desamor esmola em teu pânico
 Onde a minha insuficiência deflagra amadorismo

 O teu amor pós-modernista
 Eleva a minha ciência em te amar à distância

 Amasso folhas de alumínio
 E prevejo o inferno do meu fracasso
 Sob os teus olhos incógnitos de franco espanto

 Insucesso é meu parente:
 Vegeto estrangulado na má sorte...

(por Fernando Gomes)






Nenhum comentário:

Postar um comentário