Loading...

quarta-feira, 23 de junho de 2010

TORMENTO

 Estes versos doridos
 Explodem dentro do meu peito

 Estas trevas oceânicas
 Alagando a minha insistência
 É a protuberância de um amor mal resolvido...

 Estes versos agônicos
 Incendiados de loucuras escarpadas!

 Estas dores tresloucadas
 Inviabilizando estas substâncias
 De alegrias mortificadas em uma mocidade insólita

 Estes poemas angustiantes
 No entrelaçamento de almas separadas

 Na tortura de um mal pensar...

(por Fernando Gomes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário