Loading...

domingo, 27 de junho de 2010

NOVOS TEMPOS

o As flores delicadas
 (com seus perfumes aromatizantes)
 São eternas e estrábicas ciladas
o No feitiço dos amantes...
 A aurora é anunciadora
 De novos tempos primorosos;
 Mas a minha idéia pecadora
 Tem os cílios enormes e perigosos...
o As flores são charmosas
o Na anunciação da primavera,
o E eu me dou com todas as rosas
o Pois tenho a alma sincera...
 Como é linda a margarida
 Na sua simplicidade comovente:
 É como se fosse à histórica vida
 De um menino inocente...
 Novos tempos superiores
 Arrastando-me ao desempenho:
 Neste meu ninho oculto de dores,
• Eu invento o meu engenho...

(por Fernando Pellisoli)

Nenhum comentário:

Postar um comentário