Loading...

quarta-feira, 23 de junho de 2010

INOCÊNCIA

 O teu perfume
 É de uma inocência rara!

 A tua lua é translúcida
 Teu espírito passa por buracos de agulha...

 O teu sol é férvido
 E teus passos me são sinuosos
 Como se quisessem me encantar nas curvas da minha lunática esperança...

(por Fernando Gomes)




Nenhum comentário:

Postar um comentário