Loading...

quarta-feira, 23 de junho de 2010

UM GRANDE AMOR



 De tão intenso
 Este amor luzeiro
 Num brilho de diamantes
 Iluminava as solidões dos amantes
 Como um facho de alegria
 Que se disseminava na casa inteira
 Onde se sonhava puros louvores poéticos
 Às luzes brancas da eternidade...

(por Juliano Alves)


Nenhum comentário:

Postar um comentário