Loading...

domingo, 4 de julho de 2010

VIBRAÇÕES VERTIGINOSAS

Onirismos escarlates esvoaçados
 Martelando os meus pensamentos desconcertantes

 Ilusionismos cotidianos estúpidos
 Enliando as nossas mensagens putrefatas
 Como se fôssemos córregos de rios desativados

 Fascinações mediúnicas homéricas
 Alastrando os condimentos esotéricos desumanos

 Emigrações de serpentes venenosas
 Amplificando as nossas invertebradas emoções
 Como se fôssemos estupefatas alucinações melindrosas

 Ah as palavras desconexas de realidades
 Impulsionando os teus pensares soterrados no ócio!

 Vibram as borboletas multicoloridas
 Polinizando as sensações estrábicas das luzes
 Enquanto as vibrações vertiginosas da eternidade me estre-mecem

 Ó suicidas incompetentes de lucidez
 Vossos espíritos perturbados sofrerão mais represálias!

 Pois o tempo vário não deve ser escorrido?

(por Fernando Pellisoli)

Nenhum comentário:

Postar um comentário